efeito bumerangue

A gente passa metade do nosso tempo querendo entender PORQUÊ? é sempre aquela pessoa. O tempo passa, outras pessoas passam, mas ela está sempre ali, como vulcão adormecido. Uma vez em erupção, causa dentro de você um terremoto, com direito a neurônios desabando e uma tsunami de hormônios e sentimentos. Que às vezes demora a passar, mas passa, e depois volta tudo outra vez.

Tão simples e tão complicado, gostar de alguém, gostar de verdade de alguém, é como jogar um bumerangue. Se você lançar com força, ele vai para longe e demora a voltar. Mas ai ele faz uma curva, e com a mesma intensidade que foi, retorna.

Anúncios

Empty

The Click Five é mais uma banda americana que fez sucesso repentino e depois desapareceu. Eu, como boa adolescente que era, virei fã das letras e caras bonitinhas e da guitarra barulhenta. Aos 15 anos, quando fui à Disney, comprei o tão desejado CD da banda, que depois de algum tempo deixei pra lá. Isso foi em 2007, eu era segundo ano do ensino médio. Eu to falando de The Click Five porque hoje, maio de 2011, quinto período da faculdade, eu resolvi arrumar meus CDs, e achei a relíquia que eu comprei em Orlando. É o segundo da banda, chamado Modern Minds and Pastimes. As letras ainda são lindas, a guitarra continua barulhenta. O encarte está do mesmo jeito que em 2007. Conservado. Como eu, que em 2011, me identifico com a mesma música que eu me identificava em 2007. É… Talvez as coisas não tenham mudado tanto assim.

Maybe we’re trying
Trying too hard
Maybe we’re torn apart
Maybe the timing
Is beating our hearts
We’re empty

O GLORIOSO

Ganhando ou perdendo, meu coração é do LEÃO!

Pequena circulação

Todas as vezes que eu disse que não te queria, eu estava mentindo, amor. É que de vez em quando, eu tenho umas recaídas de amor por mim, e a cabeça quer que eu pense que tu não estás lá, entranhado no meu emaranhado de nervos. Mas minhas terminações nervosas dão direto no coração, ah, o coração… E ele não me deixa esquecer de tu, bombeando alegre todas as letras do teu nome. Então não te preocupas, amor. Porque todas as vezes que eu te disse não era mentira. A verdade é que, na maior parte do tempo, amor, eu sou louca por ti.

E o que me dói, amor, na cabeça e no coração, é saber que tu não estavas mentindo…